Busca

Notícias

Início » Notícias » Política estadual de ciência e tecnologia é apresentada em Fórum das IES e Pesquisa do Pará
conteúdo principal

Política estadual de ciência e tecnologia é apresentada em Fórum das IES e Pesquisa do Pará

13/11/2017

Na manhã desta segunda-feira (13), o titular da Secretaria de Ciência, Tecnologia e Educação Profissional e Tecnológica (Sectet), Alex Fiúza de Mello, participou da terceira reunião do Fórum das Instituições de Ensino Superior e de Pesquisa do Pará, realizada na reitoria da Universidade Federal do Pará (UFPA). Na oportunidade, o Secretário apresentou a política estadual de ciência e tecnologia.

Fiúza de Mello destacou a criação, em 2015, do Conselho Estadual de Ciência, Tecnologia e Educação Profissional e Tecnológica (Consectet) e dos Comitês Estaduais de Coordenação de Políticas Públicas nas áreas de C&T e EPT. Além disso, o titular da Sectet também ressaltou a importância da aprovação, em 2016, do Programas Pará Profissional e BioPará e da Lei da Inovação, que dá base ao Programa InovaPará e, mais recentemente, em outubro de 2017, a instituição do Programa de apoio a projetos de tecnologias sociais, o TecSocial. Ainda foram lembradas a criação e consolidação de novas ferramentas de gestão como a Fundação Amazônia de Amparo a Estudos e Pesquisas (Fapespa), a Fundação Guamá – gestora do único Parque de Ciência e Tecnologia da região, o PCT Guamá – e a Biotec-Amazônia.

Na oportunidade, Alex Fiúza de Mello apresentou aos integrantes do Fórum a minuta do Protocolo de Intenções que propõe parceria com onze instituições de ensino e de pesquisa do Pará (UFPA, UFRA, IFPA, Cesupa, Unama, UEPA, Embrapa, MPEG, IEC, UFOPA e Unifesspa), a fim de garantir a continuidade do desenvolvimento do Estado.

“Este protocolo visa, particularmente, a verticalização das cadeias produtivas e estratégicas que irão gerar emprego e renda, mas que necessitam de uma base científico-tecnológica para sua consolidação. As instituições de ensino e de pesquisa vão ser essenciais neste trabalho, e cabe à Sectet a contrapartida de agregar todas elas com o espírito de colaboração”, afirmou o secretário, que avaliou a reunião como um momento importante para que as instituições conheçam mais sobre as ações da Secretaria e, assim fiquem se engajem para trabalhar em parceria em prol da sociedade.

O reitor da UFPA, Emmanuel Tourinho, compartilha da mesma opinião e  acenou positivamente em relação à assinatura do protocolo. “Nós celebraremos um acordo de cooperação que reunirá, de um lado, as instituições, e de outro, o Governo do Estado, por meio da Sectet. Isso facilitará a coordenação de nossas ações em favor do desenvolvimento da ciência e da tecnologia no Estado, e da transferência de conhecimento de ponta para diversos setores da sociedade”, afirmou o reitor.

O atual presidente do Fórum, vice-reitor do Cesupa, Sérgio Mendes, concordou e enfatizou que é necessário inovar na execução das ações, como a Sectet já está fazendo. Também estiveram presentes os reitores da Uepa, Rubens Cardoso; da Ufra, Marcel do Nascimento Botelho; do IFPA, Cláudio Alex da Rocha; e o chefe geral da Embrapa Amazônia Oriental, Adriano Venturieri.

 

Texto: Fernanda Graim (Ascom/Sectet) com informações de Ericka Pinto (Ascom/UFPA)

Foto: Alexandre de Moraes